Bolsas de Estudo

Apoio à formação de pesquisadores

A FGV-EAESP gerencia bolsas de estudo concedidas pelas agências de fomento, de acordo com a política governamental vigente, e também oferece oportunidades de estudos financiadas pela Coordenação dos Programas de Pós-Graduação - Bolsa PPG. 

A bolsa de estudo poderá ser pleiteada pelo candidato aprovado no processo seletivo somente após a efetivação da matrícula.

Conforme regulamentos da CAPES e do CNPq, a bolsa é concedida pelo prazo de doze meses, podendo ser renovada anualmente até atingir 24 meses de curso para o Mestrado Acadêmico e 48 meses de curso para o Doutorado. Na apuração do limite de duração das bolsas serão consideradas também as parcelas recebidas anteriormente pelo bolsista, advindas de outro(s) programa(s) da CAPES e do CNPq e demais agências para o mesmo nível de curso.

Os alunos do Mestrado Acadêmico e do Doutorado (exceto os alunos da LP Competitividade em Gestão do Programa em AE), calouros em 2018, receberão a garantia de bolsa de estudos modalidade taxa (isenção de mensalidade). Os alunos terão também a possibilidade de obter bolsa de estudos modalidade integral (manutenção mensal + isenção de mensalidade) com o apoio das Agências de Fomento CAPES e CNPq. A obtenção desta bolsa será possível desde que o aluno formalize o interesse em receber o benefício, e cumpra com todos os requisitos exigidos no Manual de Concessão de Bolsas de Estudos, e Normas Aplicáveis aos Cursos de Pós-Graduação Mestrado Acadêmico e Doutorado.  

A concessão da bolsa depende:
De inscrição e aprovação no processo seletivo específico para concessão da bolsa;
Do atendimento aos requisitos definidos pela Comissão de Bolsas dos Programas de Pós-Graduação e pelas agências de fomento;
Do número de bolsas recebidas pelo curso; e
Da aprovação do bolsista pelo CAPES ou CNPq.

A renovação da bolsa depende:
Do preenchimento dos formulários de “pedido de bolsa” e do “termo de compromisso” (ocorrem semestralmente e não são automáticos) e aprovação no processo seletivo específico para concessão da bolsa;
Do cumprimento de prazos estipulados no Calendário Escolar dos CMCD;
Do atendimento por parte dos bolsistas de outros requisitos estipulados no Manual de Concessão de Bolsas e Normas Aplicaveis dos Programas;
Do desempenho acadêmico satisfatório; e
Da aprovação do bolsista pelo CAPES, CNPq e PPG.

A perda de prazos ou a não observação de qualquer outra exigência contida no Manual de Concessão de Bolsas e Normas Aplicáveis aos Cursos de Pós-Graduação Mestrado Acadêmico e Doutorado, implica no cancelamento da bolsa ou na não indicação do pleiteante.

Os casos não previstos no Manual de Concessão de Bolsas e Normas Aplicaveis dos Programas, são analisados e julgados pela Comissão de Bolsas dos Programas de Pós-Graduação.

Além dessas Bolsas de Estudos, os alunos podem, também, pleitear bolsas diretamente para outras agências de fomento.